7 de agosto de 2011

Botafogo atropela o Vasco no Engenhão: 4 a 0

Loco Abreu gol Botafogo (Foto: Fernando Soutello / AGIF)

Em noite inspirada de Loco Abreu, o Botafogo venceu o Vasco por 4 a 0, neste domingo, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo foi amplamente dominado pelo Glorioso, que abriu três gols de vantagem ainda nos 45 minutos iniciais, com dois do uruguaio e um de Antônio Carlos. Herrera fechou o placar.

O Botafogo chegou a 25 pontos e se manteve na sexta posição do Brasileiro, vivo na briga pelo G4. Já classificado para a Copa Santander Libertadores do ano que vem, o Vasco é o quarto, com 27. O Botafogo começou o clássico a todo vapor, já mostrando que queria decidir logo. No primeiro minuto, Cortês fez bela jogada pela esquerda e cruzou para Marcelo Mattos, que bateu de primeira, para bela defesa de Fernando Prass. Pouco depois, Renato bateu falta e obrigou o goleiro vascaíno a trabalhar novamente. De tanto insistir, o Bota conseguiu abrir o placar aos dez minutos. Renato cobrou escanteio pela direita e o zagueiro Antônio Carlos subiu mais alto do que toda a defesa vascaína para colocar a bola no canto direito de Fernando Prass: 1 a 0. Mesmo atrás no placar, o Vasco não desistiu e buscou o empate. Aos 14, Felipe cobrou escanteio para a área e Alecsandro cabeceou na primeira trave. Jefferson fez linda defesa com a mão esquerda, evitando o gol. Minutos depois, após bela troca de passes do ataque cruz-maltino, Fagner cabeceou para nova defesa. Parecia uma reação. No entanto, o Glorioso aproveitou melhor suas oportunidades e chegou ao segundo gol. Cortês, em grande forma, lançou Herrera, que chutou para boa defesa de Prass. No rebote, Loco Abreu bateu e aumentou o marcador, aos 27. O Vasco sentiu o golpe e já não conseguia atacar com a mesma constância. E o Botafogo se aproveitou para ampliar, aos 40 minutos. Lucas cruzou da direita e Prass cortou mal. Na sobra, Elkeson tocou para Loco Abreu anotar mais um. Para a segunda etapa, o Vasco voltou com uma mentalidade mais ofensiva, buscando alguma reação depois dos três gols sofridos antes do intervalo. Mesmo assim, quem seguiu comandando as ações foi a equipe do Botafogo. Logo aos cinco minutos, Abreu cobrou falta no ângulo e Fernando Prass fez outra bela defesa. Enquanto o Vasco ainda tentava se organizar, o Botafogo não parava de pressionar, e poderia ter transformado a vantagem em goleada. Aos 15, Cortês cruzou novamente da esquerda, e Abreu, livre na pequena área, acertou o travessão. Se já estava difícil para o Vasco, tudo piorou aos 20 minutos. Diego Souza fez falta em Cortês, e chutou a bola para longe. Pela atitude, ganhou cartão amarelo. Depois, reclamou com o árbitro Marcelo de Lima Henrique, e acabou expulso, sob olhares de reprovação do técnico Ricardo Gomes. No finzinho, Renato roubou a bola de Leandro no meio de campo e deu belo passe para Herrera pelo lado direito da área. O argentino bateu cruzado, no canto direito de Fernando Prass, fechando o placar em 4 a 0.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrentará o América-MG. O Vasco receberá o Palmeiras.

FONTE: LANCE

0 comentários:

Chrome Pointer